Groenlândia, 508 - Jardim América - São Paulo - SP - 01434-000

Blog

Reposição hormonal na menopausa

Categoria:ginecologia

Na menopausa, o corpo da mulher sofre um declínio hormonal significativo, com a intensa redução da produção de hormônios femininos, como o estrogênio e a progesterona, o que acarreta sintomas como diminuição da libido, suores noturnos que prejudicam o sono, ondas de calor que causam bastante desconforto, diminuição da lubrificação vaginal, dor na relação sexual, e pode ainda afetar a saúde do coração, a atenção e a saúde mental, com risco de depressão e ansiedade.

Desse modo, a reposição hormonal, que pode ser realizada através de comprimidos, adesivos aplicados à pele e géis, ajuda a minimizar os sintomas da menopausa.
Na técnica, é possível combinar os hormônios estrogênio e progesterona, ou utilizar somente o estrogênio.

Essa é uma decisão que deve ser avaliada junto com o ginecologista, mas não é indicada para todas as pacientes. Aquelas mulheres com câncer de mama, câncer do endométrio, com trombose prévia, problemas de coagulação, que já sofreram infarto, derrame ou com problemas hepáticos, por exemplo, não devem se submeter a esse tipo de tratamento.